Notícias

A Casa da Primas: Mulheres eram mantidas em cárcere privado dentro de prostíbulo em Toritama

Prostíbulo funcionava às margens da PE-90, em Toritama / Foto: Reprodução/TV Jornal Interior

A casa das Primas. A Polícia Civil investiga o caso de um prostíbulo na cidade de Toritama. A dona da “Casa das primas ,Meriele Francisca da Cruz, de 42 anos, mantinha  mulheres presas, e segundo a denuncia , elas pagavam dívidas com seu “trabalho”. A dona do estabelecimento, foi presa em flagrante delito e conduzida à delegacia de Toritama, onde vai responder  processo por cárcere privado, agressão e rufianismo (prática de agenciar pessoas para prostituição).

De acordo com a Polícia Civil, no local foram encontrados materiais utilizados na prática de magia negra. O prostíbulo foi localizado depois de denuncia anônima , nesta terça -feira 13.  Segundo a polícia, uma das vítimas estava com os cabelos cortados e apresentava lesões pelo corpo. No bordel tinha câmeras de segurança, cerca elétrica em todos os cômodos e controle para dar choque, caso as mulheres  tentassem fugir, conforme informou a polícia.

 

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar