NotíciasPolítica

Bolsonaro espera retratação sobre caso de mulher marcada com suástica

Investigação foi encerrada com a conclusão de que ela forjou a mutilação -ela deve responder por falsa comunicação de crime

Após conclusão da Polícia Civil do Rio Grande do Sul sobre caso de mulher marcada com suástica no corpo, o candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro disse esperar retratação de quem associou o ocorrido a ele e seus apoiadores.

“Esperamos uma retratação de todos os que, mesmo com nosso repúdio, irresponsavelmente e sem provas associaram a nós os casos de pichações e ‘agressões’ nazistas, hoje revelados falsos pelas autoridades e orquestrados por eleitores de nossos adversários”, escreveu o candidato em suas redes sociais.

Nesta quarta-feira (24), a investigação foi encerrada com a conclusão de que ela forjou a mutilação -ela deve responder por falsa comunicação de crime.

O caso ganhou grande repercussão por ter ocorrido no dia seguinte ao primeiro turno da eleição, ao ser relacionado com violência política.

O relato dela afirmava que, no momento do suposto ataque, na região central de Porto Alegre, ela estava com uma mochila na qual havia um adesivo com as cores do movimento LGBT e a inscrição “ele não”, contra Bolsonaro.

Em laudo produzido pelo Instituto Geral de Perícias do Rio Grande do Sul, porém, todos os indícios apontam que ela ou se automutilou ou foi marcada por outra pessoa com seu consentimento.

Artigos relacionados

1 pensou em “Bolsonaro espera retratação sobre caso de mulher marcada com suástica”

  1. É mais fácil eu cavar um buraco no chão do meu quarto e encontrar o “Eldorado”, do que esses caluniadores pedirem desculpas ao Presidente da Republica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar