Notícias

Convite : Vereador de Petrolina, Capitão Alencar, é convidado a fazer parte da chapa I nas eleições da UVP

Procurado pelos integrantes da chapa após ter seu nome bem avaliado no sertão do São Francisco, o vereador que é professor e advogado,  disse  que o convite na verdade foi uma boa surpresa. Depois conversar com sua base, o vereador aceitou o convite e representará a chapa no Sertão do São Francisco.

O vereador Capitão Alencar (Patriota)  de Petrolina aceitou o convite para integrar feito pela  chapa 1 para  concorrer a eleição da nova diretoria da União de Vereadores de Pernambuco – UVP.

Procurado pelos integrantes da chapa após ter seu nome bem avaliado no sertão do São Francisco, o vereador que é professor e advogado,  disse  que o convite na verdade foi uma boa surpresa. Depois conversar com sua base, o vereador aceitou o convite e representará a chapa no Sertão do São Francisco.

“Como vocês sabem eu sou vereador de primeiro mandato e, francamente fiquei surpreso com a minha indicação. Óbvio que entendo que existem nomes muito bons em Petrolina. Me senti lisonjeado e ao mesmo surpreso por saber que estava sendo observado por pessoas que entendem muito de política estadual. Se disser que não gostei estaria sendo bobo. É uma grande oportunidade para crescer e aprender muito mais”, disse o vereador.

A chapa I é composta por vereadores de várias regiões do Estado de Pernambuco, dentre os quais, alguns são presidentes de Casas legislativas. A chapa se propõe  a uma nova fase na UVP. O candidato a presidente é o vereador Léo do Ar, presidente da Câmara de Vereadores de Gravatá. A eleição será realizada  no mês de março.

A União dos Vereadores de Pernambuco (UVP), é uma entidade representativa dos vereadores e das Câmaras Municipais do Estado, que tornou-se referência por seu dinamismo em atender os interesses da classe.

Tendo como principal bandeira, o fortalecimento do Poder Legislativo Municipal, a UVP trabalha intensamente a valorização do político que atua mais próximo da população: o vereador.

Ao longo de 40 anos de existência, a entidade tem participado de movimentos locais e nacionais buscando sempre manter as conquistas do parlamento municipal, defendendo a democracia e a transparência como alicerces para a construção de uma sociedade mais justa e participativa.

 

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar