Notícias

Desunidos: vereadores de Petrolina não sabem se unir para se defenderem

Nesta semana, um caso típico de desunião foi vivenciado dentro da Câmara de vereadores de Petrolina. O vereador Gilmar Santos, em um evento, foi algemado e levado à uma delegacia por defender jovens que realizavam um evento alusivo ao mês de novembro, denominado "Novembro Negro". O episódio aconteceu no domingo, 24.

Geralmente Policiais , Jornalistas, Radialistas e uma série de profissionais são corporativistas e, quando são atacados, se blindam e se defendem. Sabemos porém, que nem sempre esse tipo de atitude é bem vista pela sociedade. No entanto, há casos em que é preciso  dar as mãos e defender o colega.

Nesta semana, um caso típico de desunião foi vivenciado dentro da Câmara de vereadores de Petrolina. O vereador Gilmar Santos, em um evento, foi algemado e levado à uma delegacia por defender jovens que realizavam um evento alusivo ao mês de novembro, denominado “Novembro Negro”. O episódio aconteceu no domingo, 24.

Na terça, 26, aconteceu a sessão ordinária na Casa Plínio Amorim, e óbvio, o assunto veio à tona naquela sessão. Porém o que vimos, foi uma desunião extrema entre os vereadores, que ficaram divididos entre abraçar as reclamações de Gilmar Santos, ou julga´-lo, dizendo que ele foi quem provocara o tumulto no evento.

No frigir dos ovos, fica claro que os vereadores de Petrolina não conhecem as palavras:defesa de classe. São absolutamente desunidos. Cada um busca o seu e pronto.

Elias Jardim defendeu a polícia, Zé Batista os chamou de energúmenos, outros disseram que Gilmar Santos fez teatro. Enfim, desentendimento total.Vergonhoso! Cadê a unidade parlamentar? Cadê a solidariedade quando dela se precisa?

Geralmente policiais , Jornalistas, Radialistas e uma série de profissionais são corporativistas e, quando são atacados, se blindam e se defendem.No frigir dos ovos, fica claro que os vereadores de Petrolina não conhecem as palavras:defesa de classe. São absolutamente desunidos. Cada um busca o seu e pronto.

 

 

 

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar