Notícias

Fernando Bezerra escolheu PMDB.Saiu do PSB com rancor

Resultado de imagem para Fernando bezerra senado

O  Senado, Fernando Bezerra Coelho (PE) solicitou oficialmente, nesta tarde (5), a sua  desfiliação do Partido Socialista Brasileiro (PSB). A carta de desfiliação  foi entregue ao presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, e dentro dela uma mensagem subliminar que diz implicitamente… Quero governar Pernambuco, e vou para o embate nas urnas de 2018!. Se como candidato encabeçando uma chapa majoritária, ou colocando seu filho Fernandinho, uma coisa é certa. Fernando quer governar o Estado. Outra coisa que já se dá por certa, é  a ida do Ministro das Minas e Energia para o DEM, onde pretende alcançar novos vôos.

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, terno e close-upComo já era esperado, Fernando Bezerra cumpre apenas um ritual necessário, para acabar com a angústia que o corroía, por não aceitar que um menino que está engatinhando na  política, (Paulo Câmara) fosse o chefe em um partido em que Bezerra se julgava estrela maior.  Para um político de longa estrada, como Fernando Bezerra e,  dono de um ego super massageado por muitos, isso era inadmissível.

 

Na escrita do comunicado a Siqueira, o senador desabafou com tons de tristeza  e rancor dizendo que  enfrentou lutas dentro do partido, mas que sempre soube ser dedicado  e fiel aos ideais do  PSB. Ele escreve: “Me dediquei com afinco, dedicação e fidelidade aos ideais programáticos do partidoNesta hora, deixo consignado que o afeto permanece assim como o compromisso de luta incansavelmente pelo desenvolvimento do estado de Pernambuco e do Brasil”.

 

A filiação de Fernando Bezerra Coelho ao PMDB está marcada para as 11h desta quarta-feira (6), na presidência nacional do partido, em Brasília.

Por Cauby Fernandes

@língua

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar