Notícias

Manobra boba em Lagoa Grande coloca vereadores em situação ruim

A sessão desta terça-feira (19) na Câmara de Vereadores de Lagoa Grande, no Sertão do São Francisco, tinha em sua pauta  a votação das contas da ex-prefeita  Rose Garziera. No entanto, meia dúzia de  vereadores, resolveram faltar à sessão ordinária, e não deram justificativa da falta do dia.

A Câmara de vereadores de Lagoa Grande  conta com 11 Edis, que foram eleitos para representar o povo, no entanto,eles não ligam muito pra isso. Nenhum dos vereadores da base aliada do prefeito Vilmar Cappellaro compareceu. Dos 11 vereadores, apenas 5 deram as caras, e  eram  necessários 6 vereadores para a sessão prosseguir normalmente. E aí o que aconteceu? Nada! A sessão foi encerrada por falta de quórum.

Uma manobra “boba” feita pela base governista, que numa horas dessas  vai ter votar sobre a aprovação ou reprovação das contas da ex-prefeita.  Os vereadores estão com uma bomba na mão, por que a recomendação do Ministério Público de Contas do estado de Pernambuco (TCE)  é para que as contas  da ex-prefeita sejam reprovadas pela câmara de vereadores. As contas são dos exercícios de 2009 e 2010, Se aprovarem, vão ter que justificar. E como justificar o injustificável?

Por Cauby Fernandes

@língua

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar