NotíciasPolítica

Mesmo rifada pela executiva nacional, Marília mantém candidatura e entrará com recurso

Como havíamos adiantado, O PT, rifou o nome de Marília Arraes da disputa eleitoral de 2018 para o governo do Estado. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, 1, a vereadora Marília Arraes, depois de receber a notícia da executiva nacional sobre a retirada da candidatura própria do PT, disse que não irá aceitar a decisão, que para ela nada mais é uma troca do acordo firmado entre o PT e PSB em âmbito nacional.

“Nós discordamos dessa tática e não acreditamos que é o melhor acordo para o ex-presidente Lula. Mantemos o encontro de amanhã e preparamos recurso contra a decisão”, disse Marília.

A vereadora em tom ufanista,disse que a sua campanha não pode ser tratada como um projeto dela, mas da base do povo  de Pernambuco, e que venderam a candidatura a preço de banana por um “não” apoio.

Pelo acordo firmado entre as legendas, o PSB não declarará apoio nem ao ex-presidente Lula e nem ao pré-candidato do PDT, Ciro Gomes.

“Por considerarmos que não depende somente da vontade de uma pessoa, nós optamos por apoiar o recurso, realizar o encontro de tática, vamos ter maioria dos votos e esta questão vai ser discutida até às últimas instâncias”, disse Marília Arraes.

Assista à entrevista: 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar