Notícias

Michel Temer. De coadjuvante à protagonista (será?)

Se o
processo de impeachment se consumar, Michel Temer deixará de ser o presidente
interino, e tomará posse como presidente do Brasil. Michel precisará adotar novos
conceitos para acabar com a impressão de governo coadjuvante.O governo novo
(velho) precisará fazer malabarismos para dar prosseguimento  à caminhada rumo à reconstrução do equilíbrio
e da competência.
A viagem
que Michel Temer fará à China, para a reunião do G-20, está entre as medidas
que precisam ser adotadas, já que o país precisa de uma boa imagem ,pois está
com arranhões pelo mundo a fora.
O governo analisa aproveitar os
Fundos de Participação dos Estados e Municípios como uma secundária caução para
as PPPs darem certo. Em bom português, o Governo está “liso”, sem grana para
investir e vive com os orçamentos afetados com despesas de pessoal.
Fechar
contratos sem ter garantias do Governo, certamente é o fim para os estados. Por
essa razão, eles esperam receber uma garantia da União, por meio de seus ativos.
O governo determinou que vai  não fazer grandes pacotes. E Opta por anunciar as
novidades devagarinho.

Cauby Fernandes

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar