NotíciasPolítica

Ministro da Educação defende universidades só para ‘elite intelectual’

Ricardo Vélez Rodríguez afirmou disse que “a ideia de universidade para todos não existe”

Ministro da Educação do governo Jair Bolsonaro concedeu uma entrevista ao jornal “Valor Econômico”, publicada nesta segunda-feira (28), na qual deixou claro que um dos seus planos para a pasta é reforçar o ensino técnico no Brasil, a fim de inserir os jovens mais rapidamente no mercado de trabalho.

Resultado de imagem para elite intelectual“A ideia de universidade para todos não existe”, disse Ricardo Vélez Rodríguez, que tentou explicar o seu ponto de vista citando o ensino superior.

“Nada contra o Uber, mas esse cidadão poderia ter evitado perder seis anos estudando legislação”, afirmou.

Vélez acredita que o retorno financeiro da formação técnica é maior e mais rápido do que o da graduação.

“As universidades devem ficar reservadas para uma elite intelectual, que não é a mesma elite econômica [do Brasil]”, acrescentou o ministro do MEC.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar