Notícias

Petrolina: Emissoras de rádios estão mudando suas programações para alcançarem mais ouvintes

conheça as tendencias

A rádio é um meio de comunicação muito popular no Brasil. Mas, ao contrário do que muita gente pensa, o maior destaque da plataforma não são os conteúdos de entretenimento. A rádio de notícias e prestação de serviços é uma nova tendência do mercado e tem impulsionado um número cada vez maior de emissoras.

Ouvir notícias pela rádio é um hábito da população brasileira, que gosta e está adaptada a essa maneira de se manter informado. Diferente de outros meios de comunicação, como a televisão ou o computador, a rádio oferece uma opção mais simples para os ouvintes, que consegue se adaptar à correria da rotina.

Um novo mercado

Novas mídias como a internet possibilitam a transmissão de notícias de maneira imediata. Entretanto, no Brasil ainda são aproximadamente 52 milhões de ouvintes assíduos de emissoras de rádio, seja de forma tradicional ou por meio de streaming.

No entanto, os radialistas não devem se acomodar aos números. O mercado de comunicação está em constante transformação. O digital está tomando cada vez mais espaço na vida do consumidor. Por isso, é papel das emissoras de rádio entender as necessidade do seu público e se adaptar aos novos meios, oferecendo diferentes formas de acesso ao conteúdo que transmitem.

Casos de sucesso

Embora muitas emissoras estejam se adaptando para virarem rádio de notícias, algumas redes já se destacavam no segmento. São inúmeros os casos de programações completas dedicadas à notícia que são sucesso total entre os ouvintes, conquistando a cada dia mais audiência. Confira!

Emissora Rural

A rádio mais antiga do Vale foi fundada em 28 de outubro de 1962 pelo IVº Bispo de Petrolina Dom Antônio Campelo de Aragão, que também marcou época por ter sido a primeira na região com Rádio Novelas e uma programação que unia fé e informação tornando-se braço importante na história da radiodifusão Sanfranciscana. Em 2019, a Emissora que sempre foi AM, agora, será FM, e já tem no time de jornalistas uma diversificada programação. É esperar para ver .

Grande Rio Am

A grande Rio foi fundada em 14 de fevereiro de 1981, de lá para cá muita coisa mudou na Emissora. Com programação voltada para o sertanejo, com programas diversos, a rádio é líder no sertão na frequência AM.

A rádio ainda vai passar para FM, não se sabe quando.

Grande Rio FM

A Grande Rio FM comemora, em 2019, 30 anos de radiodifusão em Petrolina. Após renovar sua marca em 2011, adotou um roupagem ainda mais interativa e apostou em grandes promoções e eventos para chegar cada vez mais perto de seu público – online e offline. Foram vários projetos inovadores e que trouxeram grandes experiências aos ouvintes.

A aposta em um maior envolvimento com o público e o investimento em novos equipamentos, garantiram uma melhor experiência para o público e parceiros. A Rádio Grande Rio FM é  líder em audiência no Vale do São Francisco.

Ponte FM

Como você pode perceber, a rádio de notícias foi e continua sendo uma grande tendência do mercado radiofônico. Sendo uma excelente aposta para quem ainda tem dúvidas sobre qual segmento seguir.  A Ponte FM , trouxe os comunicadores Vinicius de Santana e Cauby Fernandes, para fazer um jornalismo diferenciado e voltado para todas as faixas etárias. Os âncoras, apostam na voz serena que traz credibilidade com noticias atuais e entrevistas . Com uma frequência que alcança diversas cidades na Bahia e Pernambuco, o jornalismo direto é a nova aposta da diretoria da Emissora.

Petrolina FM

A Rádio Petrolina FM, desde a sua inauguração, em abril de 2005, vem mantendo a principal proposta, que é oferecer informação e entretenimento. Com programação diversa, a emissora procura agora investir em novos equipamentos para que ela possa alcançar mais ouvintes nas duas maiores cidades do Vale do São Francisco.

Tabajara FM

A emissora que precisa também também ampliar seu alcance, promete novos programas. Sua grade é diversificada, no entanto, precisa alcançar toda a cidade. Segundo se espera, a emissora vai ampliar seus quilos de potencia e oferecer mais informação ao ouvinte.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar