NotíciasPolítica

Petrolina: meu varal ,minha vida

Cartão postal virou varal de roupas de moradores de rua

Quem passa à noite pela famosa Praça Dom Malan, cartão postal da cidade, se depara com uma cena inusitada: o meu varal, minha vida! O aumento da população de Rua é algo que vem preocupando os moradores da capital do Sertão. Em Petrolina, o mais recente alvo de reclamações é sobre o grupo que vive na Praça Dom Malan, em meio a papelões, lençóis e animais. Até um varal para estender de roupas foi colocado no local.

“Lamentamos a situação, mas as autoridades precisam tomar uma atitude, pois a população teme pela segurança Sem falar na sujeira deixada na praça, que atrai insetos e outros bichos. Em todo esse tempo, nunca vi o problema chegar a tal ponto”  afirma Daniel Freitas, que há 30 anos mora no Centro da cidade..

Outro morador que preferiu não se identificar diz que comerciantes e pessoas que passam pela região contribuem para manter a situação, uma vez que levam roupas, dinheiro e alimentos para o grupo que decidiu fazer da Praça a sua morada.

“Até a ração dos cachorros o pessoal dá. Essas pessoas precisam ser levadas para os abrigos da prefeitura e, a partir daí, terem o encaminhamento adequado. Rua não é lugar de gente viver”, diz.

Cadê o secretário Jorge Assunção? A secretaria do rapaz é a responsável pelas políticas sociais, e recebe muito dinheiro para fazer campanhas educativas e agir com mais veemencia, mas, ao que parece, está dormindo quanto ao assunto, que é de fato grave!.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar