Notícias

Petrolina: secretários, assessores, diretores e gerentes de Miguel Coelho que tem um rei na barriga vão ter que mudar comportamento

Quantas pessoas não saem de certas secretarias decepcionadas com certos atendimentos? Quantos chás de cadeiras diversas pessoas tomam em certas filas esperando ser atendidos por um secretário? Em sua grande maioria, esses assessores, não estão nem aí e nem chegando para quem precisa ter uma conversa com eles.As vezes, é mais fácil falar com Miguel Coelho do que com certos secretários. 

Depois dos últimos acontecimentos de violência contra servidores municipais em Petrolina, a equipe de Miguel Coelho, começa nova etapa no atendimento à população.

Segundo fontes do Palácio dos Guararapes, depois que o prefeito Miguel Coelho relatou sobre casos de ameaças a servidores, diversas secretarias fizeram reuniões com as suas equipes para revisar sobre o tratamento dado à população. O assunto dessas  reuniões giraram em torno dos secretários ,assessores, gerentes e diretores que  tem tratado muito mal os contribuintes.

Quantas pessoas não saem de certas secretarias decepcionadas com certos atendimentos? Quantos chás de cadeiras diversas pessoas tomam em certas filas esperando ser atendidos por um secretário? Em sua grande maioria, esses assessores, não estão nem aí e nem chegando para quem precisa ter uma conversa com eles.As vezes, é mais fácil falar com Miguel Coelho do que com certos secretários.

Com um rei na barriga,alguns assessores parecem que são maiores do que o prefeito de Petrolina. Uma grande parte dos  assessores, secretários e até diretores e gerentes da prefeitura são tão arrogantes e prepotentes que acham que ficarão a vida inteira no cargo comissionado.

Certos cargos comissionados são tão soberbos que até tratam mal os funcionários concursados. Mas, a partir de agora,  depois dessas reuniões, parece que a coisa vai mudar. É bom que baixem a bola mesmo  e procurem atender bem que lhes paga o salário. As pessoas querem tratamentos decentes. Nada substitui uma boa educação.

Quantas pessoas não saem de certas secretarias decepcionadas com certos atendimentos? Quantos chás de cadeiras diversas pessoas tomam em certas filas esperando ser atendidos por um secretário? Em sua grande maioria, esses assessores, não estão nem aí e nem chegando para quem precisa ter uma conversa com eles.As vezes, é mais fácil falar com Miguel Coelho do que com certos secretários.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar