Notícias

Por não aceitar exoneração de Valeixo, Moro deixa ministério

Depois da celeuma com o presidente envolvendo  o cargo máximo da Polícia Federal, o ex-juiz Sérgio Moro, entrega o o ministério da Justiça e Segurança Pública.

Moro disse em entrevista que sua saída é para proteger a instituição da Polícia federal, que não pode ter intervenções políticas.Segundo ele, o presidente disse que quer dentro da instituição, alguém que ele possa ligar e saber informações secretas. Moro disse ainda que se alguém da PF aceita o cargo com essa condição não é confiável.

Para os que diziam que era Fake news sobre a saída de Moro do ministério, fica a dica: Moro pediu demissão, o presidente é quem não aceitou. Agora, o próprio Moro disse que não fica.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar