Notícias

Prefeitura embarga e derruba construção na orla I de Petrolina

 

Uma  obra sem a licença ambiental que  foi erguida por quem sabe Deus,  e dias depois foi  derrubada pela prefeitura Petrolina na Orla I da cidade,  causou grande polemica. Ao que parecia eram banheiros públicos, para aqueles que fazem caminhadas ou que utilizam a travessia das barcas. Denunciada nos meios de comunicação sobre a  construção irregular,a prefeitura de Petrolina  resolveu embargar e derrubar a obra , já que  os dejetos e o esgoto do banheiro, seriam despejados no Rio São Francisco.  A imagem de  árduo defensor do Velho Chico, que Miguel Coelho tenta imprimir, foi arranhada, e o  marketing “infalível ” do prefeito, falhou severamente.  A obra era irregular, feria o Código de Postura do município, sem contar que    avançava  sobre o espaço destinado a pedestres. Para piorar a situação, não havia  placa informando do que se tratava  e quanto  seria o valor  gasto.

Em nota enviada ao Radialista Claudio Farias, da Emissora Rural,  a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade de Petrolina, se justificou escrevendo:

NOTA

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade de Petrolina informa que a obra que estava sendo construída na orla da cidade, nas imediações do ponto das barquinhas, não tinha licença de construção. Dessa forma, as equipes da Diretoria de Disciplinamento Urbano estiveram no local no último dia 13 quando a obra foi embargada e emitida a ordem de demolição. Ação semelhante ocorreu com a obra localizada na esquina da Avenida Cardoso de Sá com a Avenida Joaquim Nabuco, onde a edificação foi embargada no dia 31 de março, enquanto não fosse realizada adequações do projeto ao Plano Diretor do Município.

Petrolina parece que virou terra de ninguém! O camarada chega em terreno público, levanta uma obra e, só depois de muitos dias é que a prefeitura nota que estava tudo errado. Quem era a pessoa ou empresa que teve essa iniciativa? O que levou a tomar essa decisão? E a última questão é: Sendo um lugar muito visivel e movimentado, como a prefeitura deixou isso acontecer?

Com  a palavra a prefeitura, que precisa explicar melhor para a população

@lingua

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar