Notícias

Presidente do Sindsemp nega nomeação para cargo da prefeitura; administração admite equívoco

Procurado pela reportagem do Blog, o presidente respondeu por meio de uma nota enviada pela assessoria de comunicação do Sindsemp. Walber ressaltou, entre outros detalhes, que não só desconhecia tal nomeação, como também não autorizou a divulgação disso.

O presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (Sindsemp), Walber Lins, envolveu-se numa controvérsia protagonizada pela prefeitura que rendeu comentários. O motivo foi a divulgação, por parte do Executivo, do nome de Walber para ocupar um cargo na administração pública.

Projeto de lei de reajuste salarial dos servidores municipais de Petrolina  é aprovado pela Câmara de Vereadores que fixa aumento em 2,95% – Blog do  Waldiney PassosProcurado pela reportagem do Blog, o presidente respondeu por meio de uma nota enviada pela assessoria de comunicação do Sindsemp. Walber ressaltou, entre outros detalhes, que não só desconhecia tal nomeação, como também não autorizou a divulgação disso.

Confiram a íntegra da nota de Walber:

Sempre estive ao lado dos servidores na condição de sindicalista. Sou servidor, estou na condição de presidente do Sindsemp, mas sou servidor. E você, servidor, tenha certeza disso que eu estou ao seu lado sempre e sou servidor igual a você, a sua dor é a minha dor, a sua conquista é a minha conquista, a sua vitória é a minha vitória, então, estamos juntos nessa luta.  A partir da publicação que foi feita sem o meu devido consentimento, principalmente sem o meu conhecimento, eu vim a tomar conhecimento por outros servidores, amigos, que vieram me comunicar da situação, trouxe uma informação onde não havia de nenhuma forma o meu consentimento, nem a minha palavra, nem a minha solicitação daquilo.

Historicamente a gente vem mostrando a luta junto ao servidor, junto a cada um de vocês, meus irmãos, minhas irmãs, meus companheiros e companheiras de luta e mediante isso, nós tomamos as providências. Oficializamos ao prefeito e a chefia de gabinete do prefeito para que se tornasse nula e sem efeito essa portaria, até por que quem me conhece na minha função, eu  graças a Deus nunca precisei disso. Deus há de me honrar de nunca precisar ter uma portaria nesses termos.

Venho trazer ao conhecimento de todos esses documentos que foi tornado público, onde a gente solicita a devida anulação de todos os atos de responsabilidade que venha a ocorrer. A portaria já foi tornada sem efeito, o que a Prefeitura reconhece como falha administrativa. Reafirmo que em nenhum momento isso foi de minha responsabilidade ou meu consentimento. Sou servidor, sou Sindsemp, estaremos na luta porque o Sindsemp está com você e onde tem luta, tem Sindsemp. Forte abraço a todos e Deus continue nos abençoando.

Prefeitura

Também por meio de nota, a prefeitura ratificou o equívoco. No entanto, a gestão assegura que esse fato não vai trazer nenhum tipo de prejuízo à administração municipal, que “preza pela transparência de todos os seus atos”, destaca a nota.

A Prefeitura de Petrolina preza pela transparência de todos os seus atos, e por isso, esclarece à população que a Portaria 0965/21 publicada nesta segunda-feira (28) com a nomeação de Francisco Walber Lins Pinheiro, presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (Sindsemp) decorreu-se após uma falha administrativa que já foi imediatamente corrigida pela gestão. O equívoco não trará quaisquer prejuízos administrativos ou financeiros à Administração Municipal, e para tanto, uma nova portaria já foi devidamente redigida e será publicada nesta terça-feira (29) no Diário Oficial do Município tornando automaticamente sem efeito a Portaria de nº 0965/2021”, encerra.

 

As informações são do Blog Carlos Britto

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar