Notícias

Vereador Alvorlande Cruz diz que emenda de Cristina Costa e Gilmar Santos, alterando o remanejamento na LOA, “é natimorta

Durante a votação do projeto de Lei Orçamentária Anual – LOA – para o exercício de 2020, gestão do prefeito Miguel Coelho que ficou na ordem de R$ 948 milhões, o vereador Alvorlande Cruz bateu de frente com os vereadores Cristina Costa e Professor Gilmar Santos, do PT, integrantes da oposição no legislativo petrolinense.

A LOA foi aprovada nesta terça-feira, 3, por 22 votos, durante a sessão ordinária da Câmara de Petrolina, sertão pernambucano. Segundo Alvorlande, as emendas dos dois petistas que modificavam o percentual de remanejamento para o prefeito utilizar sem que haja autorização do legislativo, de 40% para 20%, alterando o artigo 4º, do inciso 1 da LOA, são “natimortas, ou seja, já nasceram mortas”

“A Mesa Diretora apreciou primeiro o projeto da LOA, aonde o percentual de 40% já havia sido aprovado pelo plenário. E as emendas dos dois vereadores eram de mesma natureza, alterava o artigo e o inciso eram o mesmo, só mudando o percentual de 40% para 20 %. Mas o colegiado da Casa aprovou a LOA, dando 40% para que a gestão do prefeito Miguel Coelho continue acelerando, sacudindo essa cidade com obras”, destacou o vereador governista.

Alvorlande citou as diversas obras que a gestão de Miguel promove e sacode na cidade, como as pavimentações que já chegam a mais de 500 ruas; ampliação da iluminação em LED, requalificação das avenidas principais dos diversos bairros de Petrolina, construção de UBS, implantação de ensino de tempo integral, melhoria das estradas no interior, implantação de poços artesianos, chegada de novo sistema de transporte públicos, construção da Casa de Partos, das novas rotatórias.

“A oposição tem que entender que votar contra o percentual do remanejamento no orçamento, é votar contra o povo. Deixa o galeguinho trabalhar”, finalizou o vereador Alvorlande Cruz.

 

 

Por Redação Portal Tribunna 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar