Notícias

Vereadores de Petrolina são deselegantes em retorno de Maria Elena à Casa Plinio Amorim

 

A vereadora Maria Elena Alencar,  está de volta à Câmara de Petrolina. No seu retorno ao plenário, esperava-se uma recepção calorosa, mas o que vimos foi uma falta de elegância por parte dos vereadores que são seus colegas de bancada. O dia 13 de março, marca o retorno da vereadora, depois de um ano e três meses longe dos burburinhos da Casa Plínio Amorim. Sua volta, foi marcada por homenagens por parte das mulheres que estavam no plenário para recebê-la, no entanto, a cena foi ofuscada pela insensibilidade “machista” dos Edis.

Quando Elena, foi para a tribuna, apenas uma minoria dos seus colegas de bancada ficaram para escutá-la. Uma forma deselegante que prova a falta de Educação, principalmente com uma voz feminina que é firme,  e é aliada do Governo Novo tempo. 

 

Nós já tínhamos previsto, que o Governo Novo entraria em um novo tempo…Tempo de discórdia, de cada um por si, de puxar a sardinha para sua brasa. E já iniciou.

Começou as negociações de quem na Casa , vai apoiar um candidato, e Maria Elena,  como todos sabem, volta com um propósito de refazer sua história, e será daqui para frente, não apenas vereadora, mas pré-candidata a uma vaga na Assembleia de Pernambuco. 

Será esse o motivo que levou os vereadores a ignorarem a ilustre presença de mais uma mulher na Casa? Como Lara Secchi (primeira Dama de Petrolina) disse em seu discurso no dia internacional das mulheres, ” Me considero muito mais macho, do que muito homem, macho não no sentido pejorativo, mas no sentido de não ter preguiça”, e a frase cai muito bem em Maria Elena! Muito mais macho do que certos homens. Sempre foi de brigar pelo quer. Será que os vereadores querem emudece-la? Tapar sua voz? Por que se for assim, terão muito trabalho.

 

.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar