Notícias

Evangélicos podem decidir eleição em Petrolina

Petrolina tem atualmente mais de 180 mil eleitores,
aptos a votar. Desse montante, 25% seria dos evangélicos. Não é novidade que
esse número vem crescendo cada dia no Brasil, e em Petrolina não é diferente.
Por essa razão podemos dizer que eles poderão fazer a grande diferença para os
candidatos que querem ser o  prefeito da cidade.
Os
últimos anos em Petrolina foram marcados por mudanças comportamentais vistas a
olho nu por quem acompanha de perto a evolução da cidade. Um numero que  mudou
extraordinariamente, foi o das igrejas evangélicas,  instalada ou
criadas no município. Para notar essas mudanças, basta apenas que você saia em
um dia de  domingo e entre nas pizzarias e restaurantes  da cidade e
notará que os estabelecimentos são tomados por um numero substancialmente
grande de evangélicos.
Essa
mudança já chama a atenção dos políticos da cidade, que sabem que quando
um município tem um número de pessoa com uma mesma vertente de pensamento,
naturalmente essas pessoas se agrupam e se tornam potencialmente fortes.
Mais do que educação, saúde e segurança, as famílias petrolinenses estão
passando por uma transformação social e comportamental.
Quantos aos  candidatos ao cargo de vereador
que pretendem entrar nesse universo, a coisa se torna mais dificil, até por que,
 geralmente esses grupos estão fechados com seus próprios candidatos, como
é o caso do Vereador de mandato Elias Jardim, que tem no seu grupo pelo 80% de
adesão,  já que conta com a benção da direção da igreja.
Por isso aos candidatos ao cargo de gestão do
municipio, as precauções  são sempre bem vindas. Ser comedido nas palavras
que fala também é uma dica essencial. O eleitor evangélico tem suas ideologias,
e se baseia naquilo que o político fala em relação à espiritualidade.
Cauby Fernandes e Carla Pinheiro

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar