Notícias

Vexame em Petrolina: vereadores que apóiam Fernando Bezerra dizem “Não” a Bolsonaro, e não votam projeto de Título de Cidadão

Mesmo com 17 vereadores, Projeto é retirado de pauta para evitar vexame para FBC

Mesmo com a maioria absoluta na Câmara de Petrolina,  o senador Fernando Bezerra Coelho passou vexame e para evitar um desgaste ainda maior com seu grupo político,  os vereadores de sua base retiraram de pauta, durante sessão ordinária desta quinta (23), o Projeto de Decreto Legislativo n° 026/2019 do vereador Elias Jardim que propunha o título ao presidente da República Jair Messias Bolsonaro.

O presidente Osorio Siqueira evitou o constrangimento de ver a honraria ser rejeitada mesmo com 17 vereadores da base Governista e retirou o Projeto de discussão. O autor do Projeto justificou que ao perceber a rejeição à proposta preferiu adiar. “Percebemos a rejeição ao projeto e decidimos adiar, aguardar obras no município como por exemplo os viadutos, da BR 428”, disse Elias Jardim.

A população lotou a plenária com faixas contrárias ao contingenciamento na Educação e vaiou os discursos dos vereadores do prefeito que usaram a tribuna, mesmo com o Projeto retirado de pauta, para defender a honraria para Bolsonaro. “A pauta não foi articulada a tempo, eu particularmente defendo e aprovo o projeto, traremos o projeto para votação em outro momento. Voto no Projeto na hora que voltar”, disse Aero Cruz, líder do Governo de Petrolina.

Os vereadores de Oposição de Petrolina se posicionaram contra ao Projeto por entenderem que ainda não há nenhuma prestação de serviço e representatividade do Governo Federal no município para que o presidente da República seja merecedor desta honraria. “Não quiseram passar pelo constrangimento de colocar para votação um projeto ruim, essa honraria é para ser concedida a quem contribui para o desenvolvimento de Petrolina e não para achincalhar uma honraria de tamanha importância para nosso município. A prova disso é que nem o próprio grupo se entendeu sobre esse projeto, muitos deles abandonaram a sessão com vergonha da proposição”, disse Paulo Valgueiro, líder da Oposição na Casa Plínio Amorim.

O vereador Gabriel Menezes preferiu não revelar como votaria. “Como o projeto foi retirado de pauta, resguardarei meu voto até que ele volte a ser apreciado. Preparei até um discurso, mas prefiro só revelar na votação”.

O presidente Jair Bolsonaro estará em Petrolina nesta sexta (24) em sua primeira viagem oficial ao Nordeste.

Artigos relacionados

7 pensamentos “Vexame em Petrolina: vereadores que apóiam Fernando Bezerra dizem “Não” a Bolsonaro, e não votam projeto de Título de Cidadão”

  1. Quer queira quer não esses políticos do nordeste…todos com o rabo preso fazendo posição ao nosso Presidente… É uma vergonha…a internet está chegando para todos e vcs vão ter o que merece…

  2. Ao se ler alguns exímios comentários, aqui publicados, percebe-se o quanto os leitores são “atentos”. A rejeição ao projeto se deu tão somente porque AINDA não se tem na cidade NENHUM serviço que leve o menino que veste azul a merecer tal título. Não é por mais nenhum motivo. Seria tolice sim, das grandes se já tivessem aprovado por simples babação a um senador.

Deixe uma resposta

Fechar